03/07/2019 | Villa Flamenca

Roda de Conversa - Flamenco & Elaboração de Perdas

O luto decorre não somente de perdas reais, morte ou abandono de uma pessoa querida, mas também de formas abstratas ou simbólicas. Poderia ser o flamenco a busca de um lugar de pertencimento familiar, uma alternativa para lidar com a angústia?
A inscrição está fechada
Roda de Conversa - Flamenco & Elaboração de Perdas

Horário e local

03/07/2019
Villa Flamenca, R. Rio Grande, 459 - Vila Mariana, São Paulo - SP, 04018-001, Brasil

Sobre o evento

A Casa Frida, tendo como eixo a articulação entre Luto, Arte e Psicanálise, promove a roda de conversa com o tema “Flamenco & Elaboração de Perdas”.

Teremos como convidada especial a artista Milene Muñoz, que fará um relato sobre como a dança flamenca a ajudou a lidar com as limitações impostas sobre seu corpo em função de uma doença autoimune.

A roda aposta na arte como um dos recursos para a elaboração do luto e expressão da dor.

O luto decorre não somente de perdas reais, morte ou abandono de uma pessoa querida, mas também de formas abstratas ou simbólicas.

Poderia ser o flamenco a busca de um lugar de pertencimento familiar, uma alternativa para lidar com a angústia?

A arte flamenca é uma dança que trabalha a transitoriedade do belo. Remete à finitude, cada ato é realizado como se fosse o último. Por isso seu impacto tão profundo. A história do flamenco remete aos povos nômades, à transição de um povo rural para os centros urbanos, o início da burguesia. Nessa transição feudal, muitos povos perderam seu lugar e se concentraram em regiões da Andaluzia. Uma dança que exprime a cultura de um povo estrangeiro, o luto da perda do pertencimento. O sentimento de perda que remete à uma ameaça de aniquilamento do Eu, ou seja, uma desorganização que demanda um grande investimento na reestruturação psíquica.

Como dizia Garcia Lorca, é necessário abraçar a morte e aceitar a finitude humana para se compreender o que é o flamenco.

No campo do projeto da Casa Frida, seguimos com nosso tema de pesquisa da arte como um recurso de elaboração da dor da perda, propondo espaços de compartilhamento de experiências e questionamentos.Participe!

VAGAS LIMITADAS!

Investimento: R$35,00

PAGAMENTO NO LOCAL

Teremos parceria com estacionamento próximo.

Ingressos
Preço
Qtd
Total
  • Grupo de Discussão
    R$0
    R$0
    0
    R$0
TotalR$0

Compartilhe este evento